Lesão do manguito rotador

O que é o manguito rotador?

O manguito rotador é o conjunto de quatro tendões que revestem a cabeça do úmero, supraespinal, infraespinal, subescapular e redondo menor. O tendão do biceps não faz parte do manguito rotador, mas tem íntimo contato ele. A tendinite ou rompimento do manguito rotador são as principais causas de dor no ombro.

O que causa a lesão do manguito rotador?

A lesão do manguito rotador é bastante frequente. Acomete  20% das pessoas, e sua incidência aumenta com a idade. Acima dos 80 anos, 50% das pessoas tem rompimento dos tendões. A principal causa é degenerativa, ou seja, os tendões vão perdendo a resistência com o passar dos anos. Entretanto, traumas, como quedas e esforços súbitos, e movimentos repetitivos podem propiciar o aparecimento desse problema.

Relação entre os tendões do manguito rotador, o bíceps e o acrômio

Relação entre os tendões do manguito rotador, o bíceps e o acrômio

Quais os sintomas  da lesão do manguito rotador?

Os sintomas costumam ser dor, dificuldade para realizar os movimentos e diminuição de força. A dor costuma piorar à noite e ao elevar os braços.

Como é confirmado o diagnóstico da lesão do manguito rotador?

A confirmação do diagnóstico geralmente é feita através de uma ultrassonografia ou de uma ressonância magnética. A ressonância magnética é o exame mais preciso.

Ressonância magnética mostrando o rompimento do manguito rotador (setas)

Ressonância magnética mostrando o rompimento do manguito rotador (setas)

Quais os tipos de lesão do manguito rotador?

As lesões do manguito rotador podem ser parciais ou completas. Quando uma parte do tendão continua presa no osso, estamos diante de uma lesão parcial. As lesões parciais podem ser:

  • articulares: ocorrem na parte mais interna
  • bursais: acometem a parte mais externa
  • intersticiais: ocorrem dentro do tendão.

As lesões completas, também chamadas de transfixantes, ocorrem quando o tendão se destaca totalmente do osso. 

manguitorotador03

A lesão do manguito progride com o tempo?

A lesão do manguito é progressiva. O problema geralmente começa com uma tendinite, podendo passar para uma lesão parcial e por fim uma lesão completa. A lesão completa também pode progredir, passando de pequena para grande ou extensa. Entretanto, o tempo necessário para essa progressão não é fixo, podendo variar muito entre as pessoas, de meses a anos ou décadas. Um dos motivos para se indicar a cirurgia, além de diminuir os sintomas, é evitar a progressão da lesão. Uma lesão muito grande pode ser irreparável.

Qual o tratamento da lesão do manguito rotador?

O tratamento vai depender de diversos fatores, entre eles: idade do paciente, lado acometido, e tipo da lesão.

Na maioria dos casos, o tratamento pode ser não cirúrgico, especialmente nas lesões parciais. Remédios para dor, como anti-inflamatórios e analgésicos, e fisioterapia, para alívio da dor, alongamento da cápsula articular e fortalecimento do manguito rotador, são os métodos mais utilizados. O fortalecimento não visa regenerar o tendão rompido, mas fortalecer os tendões íntegros e diminuir a sobrecarga do que está lesionado. Orientação para as atividades esportivas e de trabalho também são importantes. Eventualmente, infiltrações são empregadas.

A cirurgia costuma ser indicada nos casos de lesão completa, principalmente em pacientes jovens, ou nos casos em que o tratamento não cirúrgico não foi efetivo.

Como é a cirurgia para o manguito rotador?

A cirurgia mais realizada para o manguito rotador é o reparo por artroscopia. A fixação é realizada com âncoras, pequenos parafusos que contém fios em sua extremidade e servem para amarrar o tendão no osso. Após a cirurgia, é necessário o uso de tipoia por 6 semanas, seguida de fisioterapia para ganho do movimento e fortalecimento do manguito rotador.

manguito04
Posted on February 3, 2013 .